Todo mundo pode

Resenha: creme noturno da Pantene

Posted on: janeiro 18, 2011

Oi, gente! Nem vou mais pedir desculpas por sumir e prometer atualizar mais esse singelo bloguinho, porque estaria mais uma vez me enganando e enganando vocês. Minha vida está bem corrida, apesar de já fazer um tempo ainda estou me adaptando à rotina de mãe/esposa/profissional/dona-de-casa. Em meio a tudo isso, o blog acaba ficando em segundo plano. Mas eu gosto tanto dele (e de vocês, sempre fico louca de alegria com os comentários!) que prefiro atualizar de vez em nunca a tirar do ar.

Outra coisa que tem me feito atualizar menos é a falta de tempo para fotografar (e passar as fotos para o computador) dos produtos que eu testo. Infelizmente, para conseguir manter o Todo Mundo Pode mais ou menos em dia, vou ter que usar mais imagens do Google e contar com a confiança de vocês no que escrevo. Enfim, chega de embromation e vamos ao que interessa, né?

Comprei por esses dias no Hiper Bompreço de Olinda o Creme de Tratamento Pantene Noturno Restauração Profunda. Estava muito a fim de testar um desses produtos de hidratação noturno, porque com essa falta de tempo, só mesmo usando as minhas horas de sono eu consigo hidratar o cabelo! Custou uns R$9 e uns quebradinhos, por dignos 150 ml. Creminho comprado, bora usar, né? E quem disse que a anta aqui conseguia abrir a embalagem? Fiquei apertando, pensando que era igual àquelas embalagens de creme de pentear da Dove, mas nããão!!! É uma válvula que você puxa para cima e depois ela não volta mais pro lugar. Se você apertar para baixo de novo, derrama produto – sim, eu derramei e fiz o maior desmantelo no banheiro. Apanhei, mas abri o bendito!

Frasco aberto, hora de usar. O creme tem uma textura bem levinha, longe de ser oleosa. O cheiro é uma versão um pouco mais forte do que os demais produtos da Pantene – eu curto, mas aí vai do gosto do freguês, né? Testei no meu cabelo, que é liso, e no do meu marido, que é cacheado. Eu estava de cabelo seco, e ele havia acabdo de lavar. No dia seguinte, ambos estávamos satisfeitos: fios macios hidratados sem estarem pingando de óleo. E ainda deixou os cachinhos do meu marido definidos e arrumadinhos, uma graça (se bem que acho meu marido uma graça de qualquer jeito).

Não usei tempo suficiente (na verdade, só duas vezes)  para ver o resultado a longo prazo, mas posso garantir que vale a pena, viu? Efeito Bela Adormecida: cabelos hidratados e cheirosinhos enquanto você dorme, uma beleza!

2 Respostas to "Resenha: creme noturno da Pantene"

Boas dicas, mas… eu ainda não consegui abrir a tal valvula!

nem eu,.. tive q tirar a “tampa” que fica a valvula e derramar na mão e usar. assim nao vale!!! eu levantei a valvula mas ela saiu e nao levantou!eh a treva

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Todo mundo pode!

Um blog para mostrar que moda, beleza e feminices estão ao alcance de todas. Por Roberta Meireles

Twitter

%d blogueiros gostam disto: